XII Conferência Municipal da Assistência Social conta com grande participação popular

A Prefeitura de Sobradinho, através da Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social, realizou na última sexta-feira (13), no Plenário da Câmara Municipal, a XII Conferência Municipal de Assistência Social , que teve como tema “ Assistência Social: Direito do povo, com financiamento público e participação social.”

O evento tem como objetivo avaliar as políticas de assistência social aplicadas no município, e definir diretrizes para o aprimoramento do Sistema Único de Assistência Social –SUAS, analisando, propondo e deliberando as ações de cada ente federado. Também na conferência foram eleitos os delegados que participarão da XII Conferência Estadual de Assistência Social.

O Prefeito Luiz Vicente Berti foi representado na cerimônia de abertura pelo chefe de Gabinete Luiz Nery Cunha Junior , que falou sobre os avanços da gestão municipal na área da assistência social.

“São vários projetos e programas como o Programa do Leite, Criança Feliz, apoio as gestantes, atividades do CRAS e do CREAS, entre tantos outros que demonstram a preocupação da gestão com a assistência social. Então, nosso desejo é que a Conferência fortaleça ainda mais essa área tão importante para todos nós, especialmente para o público que mais precisa”, destacou Nery.

As discussões realizadas vão ser transformadas em propostas dentro da realidade do município e levadas à Conferência Estadual, podendo inclusive, fazer parte do Plano Nacional.

“Apesar de não ter sido convocada pela Nacional, essa Conferência acontece em Sobradinho e em diversos municípios porque entendemos que este é o momento de discutir e trazer as pessoas para perto. É importante dizer o que precisamos melhorar para continuarmos avançando, e também traçar novas propostas”, disse a presidente do Conselho Municipal de Assistência Social, Lúcia Helena da Silva Miranda.

A Conferência propôs uma discussão sobre três eixos temáticos. Assistência social é um direito do Cidadão e dever do Estado; Financiamento do SUAS e Democracia e Controle Social do SUAS.

Na oportunidade, o secretário de Agricultura e Meio ambiente, Leneíldo Monteiro, apresentou o Programa Sobradinho Recicla, uma iniciativa da gestão municipal na promoção de políticas de proteção ao meio ambiente e geração de renda através da reciclagem dos resíduos sólidos. O programa é fruto de uma parceria entre a Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente e de Assistência e Desenvolvimento Social.

A Secretária de Assistência de Desenvolvimento Social, Fernanda de Cássia, apresentou o orçamento de cada benefício oferecido pela gestão municipal, em parceria com os programas estaduais e federais.

“Nosso principal objetivo é o de promover a transparência das atividades realizadas pela nossa pasta e também mostrar a população que, apesar das limitações orçamentarias dos repasses oferecidos pelo Estado e a União, o Prefeito Luiz Vicente Berti vem promovendo uma política de valorização da pessoa humana, investindo em seu bem estar, buscando através dos órgãos da gestão municipal, oferecer um serviço de assistência social amplo e de qualidade. Para se ter uma ideia, só no ano de 2018 o município investiu mais de 2 milhões de reais em programas de assistência social em Sobradinho”, esclareceu a secretária.

A gestora também elencou os programas financiados com recursos próprios do município, as entidades que recebem suporte da gestão e apresentou o Florescer Sobradinho, a mais nova ação da prefeitura.

“Desenvolvemos o programa Escola de Qualificação Cidadã, Programa do Leite, Criança Feliz, SINE Bahia, Natal Encantado, Sobradinho Recicla, oferecemos total apoio e incentivo a FAMBEC, a Fanfarra de Sobradinho, que congrega os jovens através da música, e os benefícios eventuais. Também temos um plano de cooperação com entidades como APAE, Abrigo Pedras Preciosas, Projeto Sobradinho, dentre outros. E pra finalizar, temos que destinar orçamento para financiar as contrapartidas com os órgãos do SUAS, para dar pleno funcionamento a entidades como o CRAS, CREAS, Bolsa Família, Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vinculo dentre outros. Estamos desenvolvendo o Florescer Sobradinho, que incentivará a cidadania e o sentimento de pertencimento, quando a comunidade é chamada para cuidar da cidade. Portanto, esta conferência é um importante instrumento que visa assegurar e garantir o funcionamento de todos estes programas, para que se possa promover uma sociedade cada vez melhor e mais digna”, finalizou a secretária.

Ascom PMS