“CAPS em Sobradinho está de portas abertas para promover a saúde mental”, diz coordenadora do centro

Durante essa última semana da Campanha do Setembro Amarelo de 2019, a Prefeitura de Sobradinho vem socializando informações sobre o trabalho realizado pelo Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), que oferece durante todo o ano atendimento multiprofissional e interdisciplinar para as pessoas em sofrimento psíquico grave e/ou persistente.

“Todos os dias estamos abertos para receber as demandas que chegam relacionadas ao sofrimento psicológico, incluindo situações de crise e relacionadas ao suicídio. Os nossos profissionais tem uma perspectiva interdisciplinar baseada nas discussões de caso, na educação permanente em saúde e no planejamento da reinserção social. Temos uma agenda de atendimentos e atividades diárias e cada vez mais estamos nos organizando para ofertar um acolhimento qualificado”, declarou a psicóloga e coordenadora do CAPS, Jonalva Paranã.

O CAPS em Sobradinho tem sua equipe técnica composta por enfermeira, psicóloga e médica psiquiatra. Além dos atendimentos pessoais, a instituição também oferece atendimentos coletivos, organizados em grupos de acordo com a demanda e faixa etária da pessoa em atendimento.

Sobre as demandas e o acesso aos serviços, a psicóloga destacou como o CAPS funciona em rede com os demais núcleos de saúde da SMS, e frisou a necessidade da desmistificação da função do serviço para a toda a comunidade.

“ Nossa estratégia de trabalho, baseia-se no fortalecimento de vínculos e na desmistificação sobre as questões relacionadas à saúde mental, e sobre o público do CAPS para a comunidade sobradinhense. Infelizmente percebemos que muita gente resiste em procurar o serviço, devido aos estigmas e estereótipos relacionados à saúde mental. O Setembro Amarelo também chama atenção para a importância da saúde mental, e neste sentido, o CAPS pode ser um porta de entrada para os atendimentos aos pacientes em sofrimento psíquico. Nossa Rede de Atenção Psicossocial está pronta para fazer o acolhimento, promover o tratamento e, se houver necessidade de um tratamento fora do município, fazer os devidos encaminhamentos. A equipe do CAPS está à disposição da comunidade também para colaborar com a elaboração de projetos de vida, de projetos de saúde”, complementou Jonalva Paranã.

O CAPS em Sobradinho fica localizado na rua 10 da quadra S7 na Vila São Joaquim, próximo ao Centro de Referencia em Assistência Social, o CRAS. Em funcionamento durante todo o ano, os atendimentos, rodas de conversa e demais serviços seguem após o mês de setembro.

Ascom PMS