Sobradinho: professores do Programa Avançar na Aprendizagem iniciam aulas itinerantes para alfabetização de alunos

Durante essa semana, a Prefeitura de Sobradinho, através da Secretaria de Educação, deu início às ações do Programa Avançar na Aprendizagem. A partir dessa segunda-feira (05), os professores inseridos neste programa, realizam busca ativa escolar e aulas itinerantes junto aos estudantes residentes no Bairro São Joaquim.

“As visitas são realizadas com todos os cuidados. Os gestores avisam previamente às famílias das crianças sobre a nossa ida até suas residências. Nós não entramos nas casas, atendemos do lado de fora das residências. O bom é que nossa cidade é arborizada e a maioria das casas tem sombra na porta, o que torna o encontro mais aprazível. Todo o nosso trabalho é planejado para que se obtenha sucesso. As famílias estão maravilhadas com a iniciativa e o mais emocionante é ver o brilho no olhar dos alunos ao nos reverem”, esclareceu a professora, Maria Inês de S. Batista.

O Programa Avançar na Aprendizagem tem o objetivo de alfabetizar os alunos não conectados, que durante esse período de pandemia perderam o vínculo com suas instituições escolares, devido às dificuldades de acompanhar as aulas remotas. Para tanto, a Secretaria de Educação direcionou nove professoras alfabetizadoras que estão, através de um mapa cedido pelos gestores, percorrendo as ruas e realizando visitas às residências das 250 crianças identificadas pelas escolas.

“Sobradinho foi e continua destaque na implementação do ensino remoto. Através desse regime de aulas à distância, a grande maioria de nossos estudantes dão prosseguimento aos estudos com o auxílio dos pais. No entanto, muitas crianças matriculadas se distanciaram do processo de realização das atividades contidas nos kits pedagógicos. Elas sentem a falta do acolhimento dentro das escolas. O Programa Avançar na Aprendizagem chega para garantir a inclusão destas crianças matriculadas no ensino fundamental das séries iniciais do Fundamental I. Considerando a política de alfabetização implantada no município, pra suprir as lacunas de aprendizagem provocadas pela suspensão das aulas presenciais, reconhecemos fazer-se necessário garantir a elas o direito à aprendizagem. Assim, agregamos ao Busca Ativa Escolar esse programa que visa alcançar todas as crianças in loco”, afirmou a Secretária de Educação, Ducilene Kestering.

Ainda de acordo com a secretária, a Busca Ativa realizada pelas unidades de ensino do Sistema Municipal de Educação e pelas professoras do programa Avançar na Aprendizagem obedecem aos critérios estabelecidos pelos protocolos da OMS/SMS e se caracterizam como mais uma ferramenta utilizada pelas equipes de educação na perspectiva de priorizar a meta 5 do PME, que determina a alfabetização como política de estado, e estabelece enquanto objetivo, alfabetizar todas as crianças, no máximo, até o final do 3° ciclo do Ensino Fundamental.

Ascom PMS