Sobradinho: mais de 60 cirurgias já foram realizadas no Hospital Municipal, desde a implantação do centro cirúrgico

A Prefeitura de Sobradinho continua desenvolvendo ações de fortalecimento do SUS no município. Desde outubro a rede de saúde pública passou a realizar cirurgias eletivas no Hospital Municipal Maria Auxiliadora Torres, reaberto em agosto de 2018 pela gestão do Prefeito Luiz Vicente Berti.

As intervenções cirúrgicas são realizadas em um espaço na ala 2 do Hospital Municipal, que foi totalmente equipado com mesa cirúrgica, foco, carrinho de anestesia, arsenal de cirurgia, medicamentos anestésicos, suporte para intercorrências, entre demais equipamentos necessários para o pleno funcionamento.

“As cirurgias são realizadas duas vezes na semana, nas segundas e sextas-feiras. E a decisão de realização das cirurgias eletivas ou de procedimentos mais simples, partem dos médicos cirurgiões que compõem a equipe de profissionais em saúde que atuam no nosso hospital. É também deles o trabalho de avaliação sobre qual procedimento a ser feito, logo tudo é decidido por profissionais qualificados e experientes”, destacou a coordenadora do Hospital Municipal Maria Auxiliadora Torres, Blenda Carmo.

Segundo a Secretaria de Saúde devem ser destacados os tipos de cirurgias eletivas já realizados pelas equipes de cirurgiões do hospital municipal, são eles: vasectomias, laqueaduras, histerectomias, retiradas de cistos, cirurgia de suspensão de bexiga e cirurgias de fimose e de hérnia.

“A gestão do Prefeito Luiz Vicente trabalhou durante esses últimos anos no fortalecimento da rede SUS no município a fim de melhorar e facilitar o acesso da população a uma saúde pública de qualidade. E foi através do trabalho que ele fortaleceu as Unidades Básicas, renovou o Centro de Saúde, transformando-o num centro de atendimento das especialidades, e reformou e reinaugurou o Hospital Municipal Maria Auxiliadora Torres. Agora ele também entrega a população de Sobradinho uma sala de cirurgia ativa e equipada com o objetivo de servir a população. É muito trabalho realizado de forma qualificada que transformou a saúde pública no município”, concluiu a Secretária de Saúde, Maysa Sanjuan.

Em menos de dois meses, desde a realização do primeiro procedimento, já foram realizadas mais de 60 cirurgias pela equipe da instituição, mas atenta a pandemia do novo coronavírus, a Secretaria de Saúde decidiu suspender, durante esse mês de dezembro, todos os procedimentos cirúrgicos. A suspensão temporária, atende as recomendações sanitárias que orientam aos hospitais de referência para a Covid-19, a se dedicarem ao atendimento aos pacientes com complicações da infecção, uma vez que há um crescimento no número de casos ativos em todo o estado.

Ascom PMS