Sobradinho: Através do Programa do Leite, prefeitura garante o alimento para mais de 600 famílias

A Prefeitura de Sobradinho, através da Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social, realizou entre os dias 30 de abril e 5 de maio, na sede do CRAS, a entrega do leite para os beneficiários do Programa do Leite.

Considerado o maior programa social do município de Sobradinho, o Programa do Leite foi criado pela gestão municipal e tem como objetivo doar leite as crianças (com idade entre 6 meses a 3 anos de idade) e idosos oriundos de famílias de baixa renda, cadastrados nos programas assistenciais do município.

O Programa do Leite distribui dois quilos de leite, equivalente a 10 pacotes de 250 gramas, por pessoa cadastrada beneficiando mais de 600 famílias. São cerca de 90 famílias atendidas pelo programa municipal, em 26 localidades da zona rural do município.

No ato de entrega, considerando o período de pandemia do COVID-19, foram respeitadas as regras de distanciamento social, e as equipes da assistência disponibilizaram máscaras, álcool em gel, pias com sabão e aproveitaram para repassar orientações sobre a prevenção a Covid 19 e dengue.

“Esse leite ajuda e muito a manter meus dois filhos pequenos, principalmente neste período em que as coisas ficaram difíceis pra todo mundo. Agradeço ao prefeito Luiz Vicente por vir realizando este importante trabalho de cuidar das nossas crianças. A continuação deste programa é muito importante, pois garante a muitas famílias que precisam, o alimento para seu filho.” declarou a dona de casa Maria Eduarda dos Santos.

Segundo a Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social, Fernanda de Cássia, a gestão municipal procurou manter no programa as crianças que completaram 3 anos nos meses de março e abril (idade limite) e que estariam fora da faixa de beneficiário.

“Foi uma decisão do prefeito Luiz Vicente Berti que, sensibilizado com a situação de algumas famílias que ficariam sem receber o beneficio por via de regra da idade da criança, resolveu estender o tempo de assistência, mantendo no programa mais de 50 famílias. Esta foi uma importante decisão de manter essas crianças assistidas, pois estamos enfrentando um período bastante delicado e este leite vem para ajudar muitas famílias que realmente precisam desta assistência.” disse a secretária.

Ascom PMS