Secretaria de Saúde vivencia o Setembro Amarelo compartilhando informações sobre saúde mental

Neste mês de Setembro, a Secretaria de Saúde de Sobradinho, através do Núcleo Ampliado de Saúde da Família (NASF), vem promovendo encontros com a comunidade, objetivando alertar sobre a importância do cuidado com a saúde mental.

As rodas de conversa irão acontecer ao longo do mês, nas Unidades Básicas de Saúde, e serão comandadas pela psicóloga do NASF, Larissa Alves.

O primeiro encontro aconteceu nessa terça-feira (10), Dia Mundial de Prevenção do Suicídio, a psicóloga compartilhou informações sobre o tema com usuários do sistema e os profissionais de saúde da UBS, no Centro de Saúde do município.

“Os problemas de saúde mental também são problemas de saúde pública e atingem milhões de pessoas em todo o mundo. Eles afetam ricos e pobres, homens e mulheres, adultos e crianças, pois ninguém está imune ao adoecimento psicológico. Mas o que percebemos muito é um desmerecimento a saúde mental e infelizmente é esse descaso que gera adoecimento e pode levar até ao suicídio. Por isso a importância de termos campanhas de alerta como o Setembro Amarelo e de realizarmos essas conversas sobre a saúde mental”, alertou Larissa Alves.

O próximo encontro vai acontecer na UBS da Portelinha, na próxima terça-feira (17), às 8h30.

” Convidamos a comunidade para participar, tirar suas dúvidas e aprender que, assim como é importante cuidar do corpo, devemos também estar atentos a nossa saúde mental”, convidou a psicóloga.

A iniciativa faz parte da Campanha do Setembro Amarelo, que desde 2015 promove ações de prevenção ao suicídio, um problema já considerado de saúde pública, no Brasil. A campanha é uma iniciativa do Centro de Valorização da Vida (CVV), do Conselho Federal de Medicina (CFM) e da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP).

Ascom PMS